O que é Rosácea?

20 de novembro de 2016

Cada dia mais notamos pessoas com a pele das bochechas rosadas, mesmo sem ter feito atividades físicas. Homens também podem apresentar este sintoma, mas o principal alvo desta doença de pele são as mulheres. Ela leva o nome de rosácea e é muito mais comum do que você pode imaginar.

A origem da rosácea ainda é desconhecida, mas pode ter fatores ambientais como possíveis desencadeantes. O estresse é um deles, característica comum na vida da faixa etária mais atingida, 30 a 45 anos.

Mesmo que até hoje não saibamos a cura desta doença, que tem uma relação estreita com a autoestima da mulher, seu controle é alcançado com o uso de proteção solar correta, gel noturno para controlar o eritema característico e, em alguns casos mais graves, antibióticos orais por um período maior do que estamos acostumados quando tratamos uma dor de garganta. Nos casos de rosácea, eles podem variar de um a dois meses de uso.

Para o diagnóstico, é importante você perceber: surgimento de áreas vermelhas ou com pequenas espinhas em bochechas, testa, nariz e queixo, podendo estar associadas a pequenos vasos, chamados de telangectasias. Essas áreas podem ficar bem sensíveis, podendo apresentar ardência, dor e sensibilidade a luz.

Se você suspeita de ser portador por apresentar estes sintomas, acalme-se. O mais correto é consultar seu dermatologista pois este tipo de tratamento exige um acompanhamento. Mas a principal dica é: evite usar produtos que agridam a sua pele. Esfoliantes, ácidos ou até produtos caseiros que em sua maioria só aumentarão o problema, ok?

Até lá evite o Sol, use apenas produtos e protetores solares para pele sensível e procure um médico o quanto antes. Assim, você impede a progressão da doença e faz com que o controle e retorno da sua pele ao que era aconteça o mais rápido possível.

Só tenho mais uma pergunta: já reaplicou seu protetor solar hoje?

Deixe uma resposta